Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!

20
Fev16

12729286_788866317912938_2249767637348521046_n.jpg

 

Dia difícil companheira? Quem nunca passou por isto que fale agora ou cale-se para sempre. Em dias assim, nada melhor do que refugiar-se no aconchego do lar, relaxar e apostar numa boa noite de sono. A pensar nisso, a revista Cosmo reuniu algumas práticas, simples e altamente eficazes, que nos podem ajudar a extravasar a tensão acumulada ao longo do dia e a encontrar aquela paz de espírito tão necessária para recarregar as baterias para futuras batalhas. Toma nota delas:

 

Banho de imersão

Experimenta chegar a casa, encher a banheira de água morna e embarcar num longo banho de espuma. Para ajudar-te a descontrair ainda mais, recomendo que vás munida do iPod com as tuas músicas favoritas  (no meu caso a Norah Jones é presença assídua), uma taça de vinho tinto ou Porto White e velas de cheiro. Enquanto estiveres submersa na água morna, que ajuda a relaxar os músculos, tenta evadir-te das complicações nossas-de-todos-os-dias, concentrar-te apenas naquele momento, no som ambiente e na fragrância do ar. É um dos meus momentos de supremo êxtase, a que chamo star quality. Momentos altamente relaxantes de que não abro mão por nada.

 

Pintar as unhas

Pode não parecer, mas é uma tarefa muito relaxante. Enquanto estiveres focada nesta atividade, a tua cabeça irá estar desligada do resto do mundo. Cuidar de nós é importante e ajuda a tranquilizar. Experimenta ter este momento só para ti. Atenção, ir à manicure também conta.

 

Creme hidratante
Na hora de passar o body milk, aproveita para massajar todas as regiões do corpo que estiverem mais tensas. Não só alivia o stress como ainda refirma e combate a celulite. Aplica uma quantidade generosa de creme, afinal quando se trata do nosso bem-estar físico e emocional mais é mais.

 

Limpeza de pele

Há quanto tempo não mimas a tua pele? Não há nada mais calmante e reconfortante do que alguém a massajar-nos o rosto, ao mesmo tempo que contribui para a nossa beleza. Com a vantagem de que ainda consegues uma pele limpa de impurezas. Esta é das coisas de que nunca me canso de enaltecer e recomendar e da qual não abro mão. Pensa nisso.

  

Massagens rápidas
Não tens tempo e muito menos dinheiro para aquelas massagens tailandesas especializadas? Não faz mal. Pede à tua cara metade, caso tenhas essa sorte, ou a uma amiga que te façam uma massagem rápida. Não custa nada e ainda consegues relaxar alguns músculos. Uma massagem, seja ela rápida ou prolongada, sabe pela vida. Relaxa a mente, inunda o corpo de prazer, aquece a alma e apazigua o coração.

 

Só de escrever este post uma pessoa até se esquece dos dramas quotidianos. Como esse corpo é meu e ele merece ser mimado até à medula, lá vou eu a caminho do meu diva moment: banho de imersão com direito a pacote completo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

06
Fev16

12647168_786149791517924_5179289957251232167_n.jpg

 

Porque é sábado e estou completamente anestesiada pelo Atarax (semanas há que ando a braços com uma crise alérgica que nunca mais passa), partilho contigo este artigo da revista Cosmopolitan sobre 21 erros que todos nós já cometemos (pelo menos) uma vez na vida. Será assim? A ver vamos.

 
1- Cortar o cabelo muito curto. Quem nunca chegou a casa e se arrependeu do corte de cabelo que fez? (o meu pão-nosso-de-cada-ano).


2- Estar a falar mal de alguém, e a pessoa estar mesmo atrás a ouvir tudo (inocente, já que sou demasiado inteligente para me deixar apanhar).


3- Confiar nas pessoas erradas, e acabar desiludidas com o mundo (o meu erro de todos os dias).


4- Sexo em locais públicos. Atenção, só será um erro se te apanharem em fragrante (na minha terra há um ditado que diz que "depois da diversão, a morte não é nada", por isso discordo que este seja um erro).


5- Aceitar um emprego de que não gostas, só porque precisas de dinheiro (mais ou menos).


6- Apanhar um escaldão (uma vez para nunca mais).


7- Medo de estar grávida. Depois de uma noite de loucura, pode vir sempre esta grande preocupação (nunca passei por isso, mas acredito que deva ser um daqueles erros...).


8- Uma enorme crise de ciúmes. Tudo bem, até és bastante controlada em relação aos ciúmes, mas a realidade é que pelo menos uma vez não os conseguiste controlar. Acontece (oh se acontece!).


9- Sair com um homem pelo qual não tens interesse nenhum, mas ainda assim insistes (confere).


10- Ressaca. Não sabes como foste para casa, a tua cabeça vai explodir e prometes a ti mesma que nunca mais irás beber daquela maneira. São só mesmo promessas (nunca me aconteceu).


11- Achar que é amor. Tinhas a certeza que era amor, mas afinal passou depressa. Carências (hum...).


12- Comprar uns sapatos que não podes pagar. Estavas completamente apaixonada por eles e não conseguiste resistir. A verdade é que te vais ver mesmo aflita para pagar o cartão de crédito nos próximos meses, e os sapatos não vão sair tão cedo de casa (rien de tout).


13- Sair de casa com uma maquilhagem péssima. Às vezes pode acontecer (não comigo).


14- Sim, também já todas nós uma vez na vida erramos no look para sair de casa (isso sim).


15- Passar frio, só porque o casaco não combinava com o resto da roupa. Quem nunca? (touché!)


16- Fingir que sabes algo, quando na verdade não fazes a mínima ideia do que estão a falar. Normalmente isto acontece em jantares de amigos, ou com a família, quando todos já viram aquela série, ou aquele livro, menos tu, mas como é óbvio não vais dar a parte fraca e vais entrar na conversa (não faz o meu género. Se não sei não sei e não fico a armar-me).


17- Chorar em público. Foi impossível controlar o choro naquela altura, erro comum nas mulheres (ui... que vergonha!).


18- Esqueceres o nome de alguém. Chega a hora de apresentar a pessoa e tu não te lembras do nome dela, também acontece (mais vezes do que o desejado).


19- Ter uma primeira má impressão de alguém, mas com o passar do tempo mudas de opinião e afinal aquela pessoa pode ser uma grande amiga (nisso sou uma expert).


20- Fazer uma dieta maluca (guilty!).


21- Beber demais e perder a pose. Infelizmente é verdade já todas, pelo menos uma vez na vida, descemos dos saltos, na altura até fez sentido, no dia seguinte é que não (never!)

 

Apesar de alguns destes erros me passar ao lado, penso que o artigo confere bastante com a realidade. E tu, qual o teu parecer sobre esta lista? Confere?

Autoria e outros dados (tags, etc)

21
Jan16

És emocionalmente forte?

por Sara Sarowsky

a75b454fc__750x0.jpg

 

Já aqui tinha abordado a questão da maturidade emocional, elencando sete caraterísticas inerentes a essa condição. O post de hoje, inspirado num artigo da revista Cosmopolitan, debruca-se sobre 17 coisas que uma pessoa emocionalmente forte não faz. Aponta aí:

 

1- Não implores atenção. Uma pessoa emocionalmente forte é segura de si mesma, pelo que não precisa de ser constantemente o centro das atenções. Partilhar as coisas boas e más, com as pessoas de quem mais gostamos, essas sim são importantes na nossa vida.

 

2- Não permitas que ninguém te derrube. Pura e simplesmente, ignora quem não é importante na tua vida ou não contribui para a tua felicidade.

 

3- Acredita sempre em ti. Confiança no que se consegue somos capazes de fazer é essencial.


4- Não tenhas medo de amar. Apesar de já teres sofrido alguns desgostos de amor, não desistas de o encontrar. Quando se é emocionalmente forte acredita-se até ao fim.


5- Não tenhas medo de ter tempo. Em algumas situações da vida, o melhor é parar para pensar e não tomar decisões de cabeça quente. Quem é emocionalmente forte, consegue saber quando é chagada a altura de dar um tempo e ponderar outras alternativas.

 

6- Deixa o passado para trás. Reconhece onde erraste e tenta não voltar a cometer o mesmo erro. Concentra-te em algo novo e positivo.


7- Não tenhas medo de dizer não, se não quiseres alguma coisa. Não percas o teu tempo com coisas desnecessárias, que não sejam úteis para ti.


8- Não recuses desafios. Para se ser emocionalmente forte, tem que se sair da zona de conforto e arriscar em novas oportunidades.


9- Faz o que mais gostas. Investe em desafios e atividades que te façam feliz. Se não conseguires mudar logo, faz planos para uma mudança em breve.


10- A felicidade depende das tuas escolhas. Não tenhas medo de escolher, arriscar, principalmente de ser feliz. Apaixona-te pela tua vida e por ti.


11- Vive o presente. Não vivas a pensar no que passou, no que já não existe, nem faças planos a longo prazo. Aproveita o que cada dia tem para te dar, sem pressa, e sem estar preso ao passado.


12- Pede ajuda. Pedir ajuda não te torna mais fraca, ou menos inteligente, até porque as pessoas fortes a nível emocional não são orgulhosas e sabem que ajudar é importante na vida de todos.


13- Pensamento positivo. Não te foques nas tuas fraquezas, ou no teu passado menos bom. A vida é feita de pequenas vitórias se pensares positivo.


14- Trabalhar mais para atingir objetivos. Se tens objetivos muito definidos na tua vida, trabalha para os concretizar, não baixes os braços nunca. Se for preciso trabalha mais, mas não desistas.


15- Mantém a calma, quando as coisas não correm como o esperado. Não exageres nas reações quando alguma coisa te foge do controle. Manter a calma para resolver a situação é o melhor.


16- Querer sempre mais. Para ti exige o melhor, trabalha para conseguires coisas realmente grandes.


17- Nunca desistir. Para se ser emocionalmente forte, nunca se pode desistir daquilo que se quer, e lutar sempre para alcançar o que se sonha.

 

E aí, camarada de arma, como vai essa força emocional, em forma ou a precisar de um personal trainer com toda a urgência?

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D