Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!

26
Nov21

982FF06D-1649-458B-B9C3-66555E75F6C5.jpeg
Viva! ✌️ 

Estes dias ando numa onda de reuniões, motivo pelo qual só consegui dar a cara na segunda-feira e hoje estou chegando mais cedo do que o habitual. Na quarta, estive boa parte da tarde numa reunião com aquela que, se as negociações chegarem a bom porto, será a editora do meu livro. Já hoje é a vez de um almoço de negócios, com vista a um novo desafio profissional, a arrancar logo no início de janeiro. Feito o ponto da situação, passemos então ao assunto que aqui me traz.

Vem aí o meu aniversário, já para a semana. Estou tão excitada como há muito não. Este 2021, independentemente de todas as turbulências que se lhe possam atribuir, foi um ano especial a vários níveis. Para começar, consegui reunir coragem para desvincular-me de um emprego que me estava a fazer mais mal do que bem. No verão, depois de ter contraído o "bicho", ensaiei um novo recomeço, em terras gaulesas, o qual acabou por sofrer um retrocesso, por motivos alheios à minha vontade, como a falta de habilitação para conduzir, por exemplo.

De volta à base, Lisboa, indícios vários acabaram por evidenciar que ainda tenho coisas para resolver por cá, antes de me aventurar por novas paragens. Uma dessas pendências é o livro sobre provérbios cabo-verdianos, o qual parece que, finalmente, vai passar do sonho à realidade, num futuro próximo. Para encerrar este 2021 com chave de ouro, eis que chego aos 44 outonos de vida - sei que se costuma dizer primaveras, mas como nasci em novembro prefiro dizer outono, já que se trata da minha estação do ano favorita.

A vivenciar uma das melhores fases de sempre, a entrada nos 4.4. dar se á com esta pessoa aqui serena, confiante, segura
 do que quer, em paz com o mundo, perfeitamente confortável com a solteirice, a trabalhar incansavelmente na sua melhor versão e profundamente grata ao universo por tudo. De boca cheia apregoa o quão orgulhosa está da criatura que diariamente vê refletida no espelho. Claro que está ciente de que muito ainda tem para afinar, aprender, executar, experenciar. Contudo, não teme o devir; anseia por recebê-lo, enfrentá-lo, desfrutá-lo, desafiá-lo, abraçá-lo, com toda a humildade, otimismo e esperança.

A fé nesta nova volta ao sol, que iniciarei no último dia deste mês, é tanta que decidi celebrar com toda a popa e circunstância. Vou fazer uma escapadela de uma noite rumo a uma das mais apetecíveis zonas balneares do país. Só que desta vez, ao contrário do que sucedeu há dois anos, irei acompanhada das minhas besties. Se há coisa que a pandemia deixou claro é que estar com aqueles que estimamos é mais importante que tudo o resto, motivo pelo qual faço questão de ter a minha tribo radicada em Portugal comigo neste momento.

De modo a que seja possível festejar sem grandes ralações com barulho ou medidas anti-covid, reservei uma magnífica casa de férias, aonde pretendo brindar à amizade, à saúde, à superação, à esperança, ao sucesso, no fundo, à vida. O plano consiste em deixarmos Lisboa mal as minhas convidadas se desembaracem dos respetivos compromissos profissionais (já que se trata de um dia útil). Uma vez chegadas ao destino, é passar, sem moras nem delongas, à comemoração. Após a pernoita, um belo desjejum teremos nós para degustar. Ainda quero ver se consigo dar um mergulho no mar, um ritual muito auspicioso para limpar as energias.

Como o day-after é feriado, um passeio pelas redondezas será o último ponto do roteiro, com o regresso a casa previsto para o final da tarde. Comprometo-me a partilhar alguns dos momentos no meu perfil do Instagram, de modo a poderes estar comigo neste momento tão especial.

Acaso já te disse que 44 anos é um marco muito importante na vida de alguém? De acordo com a numerologia, a soma de 4 com 4 dá 8, o número da abundância. Se a isso acrescentar o facto de que vou iniciar o ano 1 (cito novamente a numerologia), motivos para estar entusiasmada e expectante não me faltam.

Aquele abraço amigo de bom fim de semana!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade



Posts mais comentados



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D