Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!

people-2592247_960_720.jpg

Viva!

 
Os últimos posts bordejavam de drama, polémica e "achismo", razão pela qual o tema de hoje é de uma leveza e descontração balsâmica: música. Não me lembro de alguma vez ter cruzado com uma criatura que a não aprecia. Gostos e preferências à parte, a música é a manifestação artística que maior consenso reúne em seu redor, creio eu.

Para além de todas as funções que lhe são conhecidas, a música tem um efeito positivo na nossa produtividade. Desde que a saibamos escolher, obviamente! A propósito disso, a ciência conseguiu estabelecer cinco correlações entre a música e a produtividade: 
 
1. Deixa-nos com melhor disposição
A música melhora o humor, e sabemos nós que estar de bom humor significa render muito mais no que quer que estejamos a fazer. Isto porque, ao ouvirmos música, o cérebro liberta dopamina, um neurotransmissor  responsável por nos fazer sentir bem, reduzindo assim os níveis de estresse e ansiedade. 
 
2. Melhora-nos a performance física
Nós os ativos conhecemos bem o poder da música. Ouvir os nossos temas preferidos enquanto exercitamos o corpo funciona como uma espécie de companhia, que nos dá aquela pica extra e espanta o enfado. Além disso melhora a performance física, já que aumenta a capacidade de resistência, retardando o cansaço.
 
3. Suportamos melhor as tarefas repetitivas
A música retira a monotonia de tarefas automáticas e, além disso, torna-nos mais eficazes na sua execução. Já em 1994 um estudo concluiu que a música melhora a capacidade de cirurgiões que cumprem tarefas laboratoriais repetitivas.
 
4. Aumenta a concentração
Também foi comprovado pela ciência que as partes do cérebro relacionadas com as emoções e concentração ficam mais ativas quando ouvimos música, sobretudo aquelas que conhecemos.
 
5. Aumenta a produtividade
É bom ouvir música enquanto trabalhamos, mas também é ótimo nos intervalos. Um estudo publicado na revista Psychology of Music, mostrou que estudantes universitários que ouviam música entre tarefas conseguiam concentrar-se durante períodos de tempo mais longos.

Atenção que nem toda a música produz o mesmo efeito. Composições com letra reduzem a performance mental, ao contrário das que são apenas instrumentais. Outro ponto a reter é que quanto mais familiar, melhor para a produtividade e concentração. Convém, portanto, que as melodias que escutamos variem consoante a atividade que estejamos a realizar. Atividades físicas requerem música mexida (rock, pop ou eletro) e atividades mentais requerem música calma (clássica, jazz ou soul).

Em suma: Shakira para correr, Andrea Bocelli para trabalhar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

21
Mar17

Nta Konsigui (Vou conseguir)

por Sara Sarowsky

Ora viva!

Hoje só há tempo para te dedicar esta inspiradora melodia da Elida Almeida, uma das vozes revelação da terra da morabeza – a minha – e que tem granjeado admirações um pouco por todo o mundo.

Não só pela bela voz da intérprete, mas essencialmente pela narrativa de uma vida difícil, esta melodia tem sido, nos últimos tempos, o meu mantra, já que, não obstante todos os "altos e baixos, cheia de pontos e fracassos, cheia de perdas e vitórias", ela sabe que vai conseguir.               

Em tradução livre, o conteúdo dá qualquer coisa como isso:
Esta é a minha vida
Esta é a minha estória
Este é o meu mundo
Que eu posso escrever
Num pedaço de papel
E que posso abreviar em menos de um minuto
É assim que é a minha vida
É assim a minha estória
Cheia de altos e baixos
Cheia de pontos e fracassos
Cheia de perdas e vitórias
Mesmo assim não me desespero
Não não não
Não não não
Porque sei que vou superar
No que eu quero, eu insisto
Em quem eu quero, eu persisto
Eu não desisto, porque sei que vou conseguir
Eu sei que vou conseguir
Eu sei que vou conseguir
Eu sei que vou conseguir
Esta é a minha vida                          
Esta é a minha estória
Pequenina, que cabe num pedaço de papel
Por vezes doce, por vezes amarga
Por vezes bem, por vezes mal
É assim a minha vida
Por vezes preto, por vezes branco
Por vezes a rir, por vezes a chorar
É assim a minha estória
Mas, mundo, eu já cá estou
Tenho que me desenrascar
Até lá chegar
Mas, mundo, eu já cá estou
Tenho que me desenrascar
Até lá chegar
Porque sei que vou conseguir
Sei que vou conseguir
Sei que vou conseguir
Sei que vou conseguir.                           

E conseguiu, pois é atualmente considerada uma das melhores vozes de Cabo Verde, inclusive nomeada para os RFi Awards. Deixa-te embalar pelos doces acordes desta música e acredita que também vais conseguir. Sei que sim!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D