Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas e confissões de uma rapariga gira e bem resolvida que (ainda) não cumpriu o papel para a qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar graças? Talvez nem uma coisa nem outra!

02
Dez18

47368691_988746861328497_8663614970711244800_n.jpg

Viva!

 

Sem delongas, eis o que nos reservam os astros para este último mês de um ano que tem sido particularmente generoso comigo e com aqueles que me rodeiam. Obrigada 2018 por seres tão bom para mim e por me permitires realizar grande parte dos meus desejos.

 

Segundo a Isabel Soares dos Santos, spiritual coach e conselheira espiritual deste blog, "Entramos finalmente no último mês do ano. Para muitos foi um ano duro com muitas mudanças e transformações... mas para quem fez bem o trabalho de casa dos últimos anos, 2018 foi um ano positivo para colher os louros do que foi plantado anteriormente.

Fazendo um pouco uma análise dos últimos meses, tivemos uma energia um pouco inconstante este ano. Por vezes extremamente forte ao ponto de bloquear as nossas ações, mas por outro lado com um impulso muito positivo para arregaçar as mangas e lutar por aquilo que tem estado apenas no campo dos pensamentos... Tivemos meses muito poderosos que impulsionaram a nossa energia de conquista, de arriscar, pelo que aqueles que souberam aproveitar essa energia estarão neste momento em velocidade de cruzeiro para embarcar num dos melhores anos da sua vida em 2019.

E não poderíamos acabar o ano de forma mais auspiciosa. Dezembro surge-nos com uma energia que nos impulsiona e nos ajuda a entrar em ação. Depois de meses bem sombrios, em que pusemos em causa a concretização dos nossos sonhos e objetivos, é chegado o momento da afirmação. A energia do Rebelde traz-nos a confiança suficiente para avançarmos.

 
Todos os medos ficaram no passado; mesmo que surjam contrariedades familiares, sociais, financeiras ou até mesmo de saúde, a energia deste último mês do calendário cistão vai trazer a segurança e a certeza divina que nos faz arriscar, com ou sem medo. 

Todas as novas oportunidades estão ampliadas, seja um novo negócio, um novo amor, o nascimento de uma criança ou uma aliança para o resto da vida. A altura ideal para formalizar parcerias surge agora. É exatamente neste mês (depois do dia 6, devido a Mercúrio Retrógrado) que podes assumir compromissos mais sérios e preparares-te para um 2019 incrível.

Todas as portas da abundância estarão escancaradas. Seja ao nível financeiro, familiar, profissional, amoroso, bem-estar... a abundância pode chegar das mais variadas formas. Eu já sinto isso todos os dias da minha vida e sou mesmo muito grata e abençoada. Por isso mesmo, sei que as mesmas oportunidades estão disponíveis para qualquer pessoa. Umas estarão predispostas a abraçá-las, mas muitas continuarão agarradas a crenças ou pressões sociais/familiares que as impedirão de avançar.
 
Está nas tuas mãos a decisão de seres a pessoa mais importante da tua vida. Está nas tuas mãos colocares-te em primeiro lugar e arriscares sem medos. Caso não saibas aproveitar esta energia tão poderosa e impulsionadora, daqui a uns meses vais olhar para trás e arrependeres-te de não teres arriscado mais... mas cada um tem o seu livre arbítrio e o seu momento de aprendizagem e crescimento.
 
Uma conjuntura tão positiva como a que estamos agora a passar, e vai continuar durante a maior parte do ano que vem, só voltará a acontecer daqui a 12 anos... depois não digas que não foste avisada. Se não aproveitares agora, a responsabilidade será tua e de mais ninguém.

Eu aproveito ao máximo todas as oportunidades que o universo me tem dado. A cada dia sinto-me mais grata e abençoada por ter a clareza de espírito para aproveitar as ocasiões certas e para escolher as pessoas adequadas para me acompanharem nesta minha caminhada.

Recapitulando, está na hora de te libertares de todos os teus medos e arriscares! Arrisca a ser mais feliz! Arrisca a ser mais saudável! Arrisca a viver intensamente as tuas relações! Arrisca a viver um grande amor! Arrisca e realiza todos os teus sonhos!

Abraço de Luz,
Isabel 💗

Autoria e outros dados (tags, etc)

change-your-life-1024x615.jpeg

Viva!
 
Esta crónica assenta no olhar da conselheira espiritual deste blog sobre a inércia humana em relação à mudança, mais precisamente sobre a resistência de tantos em mudar de vida, mudar de relação, mudar de forma de pensar/estar/agir.
 
O que mais abunda por esta vida fora são almas sofridas que pouco ou nada fazem para extinguir o sofrimento de que tanto se queixam. Sobre isso, diz a spiritual coach Isabel Soares dos Santos o seguinte: "cada vez mais acompanho clientes e amigos que estão insatisfeitos nas suas relações amorosas, mas que nada fazem para mudar. Oiço todos os dias as desculpas mais elaboradas... ou é porque dependem financeiramente; ou porque não acreditam que merecem alguém melhor; ou porque cultivam a eterna esperança de que a outra pessoa mude; ou porque simplesmente não querem estar sozinhos." 
 
Vamos lá então dissecar cada um destes argumentos:
1) Depender financeiramente de alguém
És a única responsável por teres escolhido depender financeiramente de alguém. Por mais que te custe admitir, a verdade é que a qualquer altura da tua vida podes mudar isso, já que o que não faltam por aí são oportunidades. Portanto, se não mudas é porque não queres... Como não queres aceita as tuas escolhas e aprende a viver com elas.
 
2) Não acreditar que merece alguém melhor
Sou a primeira a reconhecer que existem pessoas manipuladoras, controladoras, mentirosas e compulsivas que tudo fazem para te fazer acreditar que não vales nada. Percebo perfeitamente que te pode ser muito difícil sair de um ciclo de manipulação em que já estás no fundo do poço há demasiado tempo. Mas de certeza absoluta que já foste feliz em algum momento da tua vida, em que te sentiste realizada, em que te sentiste dona da tua vida. Volta então a esses momentos em que te sentiste mais confiante e faz uma escolha entre "quero continuar a viver sem autoamor" ou "quero recuperar/conquistar a minha confiança e aprender a amar-me longe de mentiras e manipulações".
 
3) Ficar na esperança que o outro mude
Este é um dos erros mais graves das relações atuais. Quando oiço: "ele só me bateu três vezes e eu até fiz queixa na polícia, mas depois perdoei..." fico arrepiada da ponta dos cabelos à planta dos pés. Acreditas mesmo que uma pessoa que foi violenta uma vez, duas vezes, três vezes, nunca mais o volta a ser? Acreditas mesmo que uma pessoa que trai uma vez nunca mais vai voltar a fazê-lo? Acreditas mesmo que uma pessoa que te manipulou e humilhou uma vez, nunca mais o volta a repetir? A única pessoa que está mal neste tipo de situação és tu, pois vives na fantasia de que o outro mudará, quando quem tem que mudar és tu. Se te amasses mais não aceitarias nem uma única vez algo que te fizesse mal.
 
4) Não querer estar sozinha
É muito triste perceber que a maior parte das pessoas escolhem viver relacionamentos infelizes e abusivos pelo simples facto de temerem a solteirice. O que mostra a minha experiência é que essas pessoas têm medo delas próprias, têm medo de vir a descobrir o seu lado sombrio e, mais do que isso, têm medo de não saberem lidar com essa realidade. Para uma boa parte delas antes um relacionamento infeliz do que relacionamento nenhum, que as obrigaria a olhar para dentro de si e assumir responsabilidades que não querem. Pode chocar esta minha afirmação, mas a razão que a sustenta é ainda mais chocante. Isto porque quando se está numa relação infeliz o que é mau é inteiramente imputado ao outro. Pois bem, fica a saber que tudo o que acontece num relacionamento é responsabilidade de ambas as partes. Essa de 100% vilão ou 100% vítima não existe na vida real. É 50/50. E não me venhas com essa conversa de que nunca fizeste nada de mal e o outro é que te bateu e o outro é que te traiu. Foi tua responsabilidade aceitar estar e permanecer nessa situação. E continua a ser tua responsabilidade, maior ainda até, quando perante a verdade nada fazes para alterar.
 
A qualidade da tua vida é reflexo da qualidade das tuas relações, tem sempre isso em mente. Vais sempre a tempo de escolher relações melhores. Isso se, de facto, queres ser (mais) feliz. Se não for esse o caso, deixa-te estar, que cada um tem exatamente aquilo que merece.
 
Ninguém aqui está a dizer que mudar é fácil. Nunca foi, nunca é, nem nunca vai ser. Só que é a única solução, o único caminho, para a verdadeira felicidade. Por mais que nos custe temos que estar preparados para a qualquer instante alterarmos os nossos planos. É apenas quando começamos a "pisar terreno escorregadio" que efetivamente vivemos. Até lá sonhamos acordados!

Autoria e outros dados (tags, etc)

02
Nov18

45087145_970225079847342_4937132118695215104_n.jpg

Viva!

 

O mês que me viu nascer chegou. Cinzento, chuvoso e friorento, mas ainda assim recheado de auspiciosidade e alguma inquietação, prevesível para quem está ciente de que meros dias lhe sobram até abandonar o conforto dos 4.0. Pensar que ainda "ontem" era uma pita à procura do seu lugar no mundo – busca que ainda prossegue – e que hoje tenho background biológico para ser vovas. Como faço questão de estar nem aí para esta treta da idade, vamos mas é saber de uma vez por todas o que nos reservam os astros para este penúltimo mês do ano.

 

Segundo a minha guru do bem e conselheira espiritual do AS, "caminhamos a passos largos para o final do ano e uma grande aprendizagem tem sido feita. Para muitas pessoas essa aprendizagem tem sido muito dolorosa, com um sentimento de terem sido "obrigados" a enfrentar mudanças, sem opção de escolha. Mas o importante a reter é que esta mudança, quase "à bruta", só aconteceu porque elas não foram capazes de enfrentar a mudança pelos seus próprios meios.

 

Novembro chega assim com uma energia de maturidade e maior consciência. Consciência de quem somos, consciência do nosso passado e, acima de tudo, consciência do caminho a seguir. É nesta energia de maior maturidade que aprendemos a viver em paz, que aceitamos algumas experiências dolorosas do passado e que compreendemos que tudo o que aconteceu teve o seu propósito.

 

É chegado o tempo de aprendermos a vibrar nas energias superiores. É chegado o tempo de aprendermos que o amor tudo cura e esse deverá ser o sentimento predominante na nossa vida. Aprender a amar o nosso passado, aprender a amar as pessoas que nos fizeram sofrer, aprender a amar os nossos sentimentos de culpa e, o mais importante, aprender a amar a nossa verdadeira essência.

 

A sociedade, os nossos pais e as experiências do dia a dia vêm-nos incutindo que devemos sacrificar-nos pelos outros, que devemos colocar o bem-estar do outro acima do nosso. E com isso acabamos por sacrificar o nosso próprio bem-estar e, pior ainda, quando fazemos um esforço para nos colocarmos em primeiro lugar sentimos uma enorme culpa que não nos permite ser feliz...

 

A mensagem principal durante este mês é para entrarmos em contacto com a nossa consciência divina e aceitarmos vivenciar o nosso amor próprio. Quando conseguimos viver em plena comunhão com a nossa essência, é quando estamos prontos para realmente saborear a vida. Enquanto não o soubermos fazer, tudo nos vai parecer difícil, tudo será um sacrifício e envolverá um grande esforço...

 

Mas quando não desistimos face às fases mais difíceis, quando persistimos perante as dificuldades da vida e quando nos entregamos às experiências mundanas, é quando encontramos a nossa consciência divina. 

 

Quando encontrares a tua consciência divina, faz um esforço para não a perderes e para não voltares ao teu antigo registo de dificuldade, dor e tristeza. É uma bênção maravilhosa quando aceitamos viver em plena comunhão com a nossa consciência divina. Abraça essa bênção com todo o teu amor e sê feliz!

 

Abraço de Luz,

Isabel 💗

 

P.S. Depois do sucesso dos "mimos" do mês passado, irei continuar a oferecer a carta personalizada do mês de novembro. Para isso, escreve nos comentários a dizer que queres a tua carta. Para quem quiser aproveitar, vou oferecer uma consulta privada de 1 hora. Para isso, deverás partilhar esta previsão energética e fazer tag com 3 amigos. O vencedor será selecionado por random, e o vencedor anunciado no dia 11 de novembro. 

Boa sorte! 🙏💗😘

Autoria e outros dados (tags, etc)

01
Out18

42852878_953193824883801_1384498740978515968_n.jpg

Viva!

 

O décimo mês do ano chega radiante: dias escaldantes, peles (ainda) douradas, roupas leves e temperaturas veranis. A combinar com todo este alto astral que paira no ar chega-nos a previsão energética da conselheira espiritual deste blog, a lifecoach Isabel Soares dos Santos, por quem nutro uma eterna gratidão. Gratidão pela cedência mensal do seu talento, mas sobretudo pelo anjo de luz que tem sido na minha vida. Grande parte das coisas boas que me têm acontecido nos últimos tempos a ela devo e não tenho qualquer receio em assumi-lo publicamente. 

 

Prestada a devida homenagem à minha guru espiritual, eis o que nos perspetivam os astros para outubro, que hoje arranca e que desejo de todo o coração que se cumpra segundo estas previsões:

 

Eis que chegámos ao outono. Mais de metade de ano já passou e agora é o tempo de colheita e de (algum) descanso.

Agosto foi um dos meses mais difíceis dos últimos anos, onde tudo foi posto em causa. Muitas crises, muitas dificuldades, muitas pessoas perdidas, sem conseguirem ver uma luz ao fundo do túnel. Com uma energia até bastante dura, foi o tempo de muitas mudanças: de emprego, de relações amorosas, de casa e até mudanças geográficas. Foi duro porque algumas das mudanças tiveram que ser pressionadas... e isto só aconteceu porque já há muito tempo que andaram a pensar que deveriam mudar algo em si e nas suas vidas, mas acabaram por ficar no conforto de continuar a não fazer nada...

 

Pois é, a evolução dos nossos tempos já não nos permite ficar no conforto da inércia. Quem andou anos a fugir de mudar algo em si e na sua vida foi forçado a mudar ou através de doenças inesperadas ou através de crises financeiras e sentimentais. Tudo foi revisto ao milímetro, e por isso mesmo, era natural muitas pessoas sentirem um enorme desgaste e ficarem doentes. O que importa saber é que o desgaste surge apenas devido à resistência à mudança. Quando aceitamos as circunstâncias da vida e queremos continuar a evoluir e a aprender, é sempre muito mais fácil.

Depois seguiu-se o mês de setembro, uma altura em que só querias descansar de tudo o que tinhas passado, mas ainda haviam muitas arrumações a fazer...

E chegámos a um mês que pode ser um dos melhores do ano: o mês da colheita.

Para aquelas pessoas que andaram a plantar dor, raiva, ressentimentos e invejas... bem podem ficar preocupadas, pois a colheita será semelhante ao que andaram a plantar... O nosso tempo de evolução espiritual acontece muito mais rápido. Já não podes ficar à espera de uma nova reencarnação, tudo será resolvido aqui neste tempo, pois faz parte da preparação da tua alma para um plano divino. Por isso, pensa bem nas tuas ações do dia a dia, mas acima de tudo pensa bem nos teus pensamentos. Atraímos para a nossa vida tudo o que pensamos. Está, portanto, na hora de começares a ter pensamentos melhores...

Mas para aquelas pessoas maravilhosas que aceitaram as aprendizagens da vida, que vêm amor e compaixão em todas as pessoas e que já perceberam que SOMOS TODOS UM, estas podem ficar descansadas, pois a sua colheita será magnífica. Abram os braços, agradeçam e recebam toda a abundância que o universo tem ao vosso dispor.

Aqui aproveito também para agradecer por tudo o que tenho na vida. Nem sempre é fácil, mas quando confiamos no processo de evolução tudo faz sentido. Também passei por várias mudanças e sou mesmo muita abençoada por ter conseguido escolher o que era melhor para mim. Transformar a minha paixão no meu estilo de vida é uma benção e cada dia que passa fico mais confiante com os meus passos, mais certa do caminho que escolhi. Grata! Grata! Grata!

Aproveito ainda para vos deixar um miminho: para quem quiser saber a carta personalizada do mês de outubro e o tipo de colheita que está planeada, basta escrever um comentário a pedir a vossa carta personalizada.

Desejos de um mês de outubro incrível!
Abraço de Luz,
Isabel 💗

Autoria e outros dados (tags, etc)

40455115_937971419739375_6212569867522932736_n.jpg

Viva!

 

Neste dia muito especial – em que a minha filhota do coração, a pessoa que eu mais amo neste mundo, completa uma década de vida –, retomo ao teu convívio, para já com as previsões da minha guru do bem e conselheira espiritual deste blog, a iluminada Isabel Soares dos Santos.

 

Acreditas que ela no outro dia sonhou que eu andava com o CR7 (sim, esse mesmo)? No entender dela o sonho é um presságio de que a caminho da minha vida está "dinheiro e um homem muito generoso", palavras da própria, não minhas.

 

Bem, este será seguramente tema para outra publicação, que hoje o assunto é saber o que nos reservam os astros para o nono mês do ano, o da rentrée, o da volta à ditadura do relógio, o dos dias mais curtos e menos quentes. Deixa-me mas é parar com as divagações poéticas e dar-te a conhecer de uma vez por todas as vibrações energéticas para este mês.

 

Finalmente chegou setembro! Depois de um agosto que parecia nunca mais acabar, com tantos planetas retrógrados e tantas pessoas em sofrimento... a boa notícia é que o pior mês do ano 2018 já passou. Já podemos respirar fundo, já podemos aos poucos sair do nosso esconderijo que nada de mal nos irá acontecer.

 

Setembro chega-nos com uma energia de maturidade, de recomeços, de início de ciclos com mais sabedoria e menos ansiedade. Enquanto que agosto teve uma energia de términos, setembro chega com uma energia renovada para iniciar algo novo. Mas para isso acontecer, seria bom que tivesses deixado tudo o que te causava dor no passado. Para quem conseguiu fazer isso, irá sentir uma leveza quase inexplicável durante este mês. E com essa leveza surge uma paz interior acompanhada da certeza de que tudo está bem.

 

Setembro é o mês da colheita. Depois dos últimos oito meses de aprendizagem, que foram meses de libertação emocional, é chegado o momento de colher tudo o que andaste a plantar nos últimos tempos. Para quem fez boas escolhas, daqui para a frente e até ao final do ano irá ter uns meses muito abençoados. Por outro lado, para quem decidiu permanecer agarrado a situações, pessoas ou coisas que lhe têm causado dor, vai ter a vida dificultada. Infelizmente, a energia pesada de agosto irá perdurar para essas pessoas até que a sua aprendizagem esteja completa e se consigam libertar do passado.

 

A maioria das pessoas pensa que já perdoou tudo, que não tem mais nada para esquecer nem para se libertar. E está tudo certo. Mas se assim for, porque continuam doentes? Porque continuam com uma sensação de vazio? Porque a abundância e o amor incondicional não são uma constante em suas vidas? É justamente aí que reside a resposta: quando ainda existe alguma sensação de mal-estar, seja ela física ou emocional, ainda não nos libertamos verdadeiramente.

 

O melhor que podes fazer neste mês é deixares de mentir a ti mesma e deixar toda a tua luz vir ao de cima. Mas uma coisa é certa, antes de existir luz, existe escuridão. Só quando aceitas completamente a tua escuridão é que és capaz de fazer a tua luz brilhar. Tudo depende de ti: se não aceitares a tua escuridão irás continuar na sombra e na dor, mas se a aceitares irás deixar que toda a tua luz venha ao de cima e milagres acontecerão.

 

Estou certa que és merecedora de todas as bênçãos do mundo. Contudo, és a única responsável por abrir os braços para as receber. Se não o fizeres irás continuar a ver todos à tua volta a mudar de vida e seguirem felizes e tu cada vez mais frustrada na tua escuridão e revolta.

 

Desejo, do fundo do coração, que consigas abraçar a vida com toda a tua luz. Desejos de um mês de setembro muito feliz a todos!

 

Abraço de luz,
Isabel 💗

Autoria e outros dados (tags, etc)

01
Ago18

38287630_908750672661450_4805546668776751104_n.jpg

Viva!

 

A labutar em três frentes – pensar que houve uma altura em que não tinha nenhum trabalho e que agora tenho-o em dose tripla – e com um bloqueio criativo severo, por mais que tente (acredita que o tenho feito), não me tem sido de todo possível escrever seja o que for. Quando há tempo não há inspiração; quando há inspiração não há tempo; quando há uma ou outra, falta energia. Busco uma solução sustentável, pois assim não dá para continuar.

 

O Ainda Solteira (AS) é um mais do que um blog para mim. É um projeto de vida, uma causa que abracei com dignidade e do qual me orgulho muitíssimo. Nele investi demasiado para simplesmente deixá-lo morrer de inanição. Ainda que praticamente relegado ao abandono desde maio, continuo a receber propostas de anunciantes, mensagens de seguidores e subscrições novas. Como poderei abrir mão de tudo isso assim sem mais nem menos? Não posso, claro está!

 

Resta-me descobrir onde encontrar inspiração e tempo para escrever, trabalhando praticamente de segunda a segunda e em três áreas completamente distintas. Vida dura a desta solteira que teve não teve a sorte de ter nascido nos estratos superiores da pirâmide social (leia-se classes A e B+). Adiante… que lamentos não pagam contas nem redigem posts.

 

À semelhança dos anos anteriores, durante este mês vou tirar férias do blog, não porque mereça – já que não tenho aqui dado expediente nos últimos tempos –, mas porque preciso aplacar o sentimento de culpa que me assola cada vez que me lembro que não tenho publicado nada. Pretendo aproveitar este interregno para "dar à luz" o bendito artigo que o mais prestigiado jornal nacional acedeu publicar, já lá vão mais de cinco meses.

 

Vou, não sem antes deixar-te com as previsões da Isabel, a conselheira espiritual que, mensamente, cede ao AS as suas previsões energéticas. Para este querido mês de agosto os astros nos reservam o seguinte:

 

Eis-nos chegados ao mês das férias, em que o ritmo acelerado do dia-a-dia abranda e o corpo pede descanso. É também tempo de reflexão, de colocar os pensamentos em ordem, de analisar todos os passos desde o início do ano, de modo a podermos tomar decisões sobre os próximos até ao final do ano.

 

2018 é um ano de profunda transformação. Quem o souber aproveitar da melhor maneira, rapidamente irá entrar numa espiral positiva, quase mágica, onde, num curto espaço de tempo, tudo começará a acontecer. A isso chama-se sincronicidade, em que, num ápice, tudo começa a acontecer; todas as peças do puzzle a juntarem-se, tudo a fazer sentido.

 

Saber viver com sabedoria este mês irá fazer com que essa sincronicidade e essa espiral de mudanças positivas comece a ser sentida já em setembro. De repente, todos os teus sonhos, todos os teus projetos guardados na gaveta, todas aquelas coisas que nos teus pensamentos acreditavas serem impossíveis de acontecer, começam a tornar-se realidade. Pode parecer que é magia, e se calhar até será, já que a magia da vida constrói-se diariamente, sempre com determinação e garra de vencer.

 

Já desde o mês passado que a energia tem estado bastante pesada. Vários planetas retrógrados não ajudam à festa e com isso as pessoas sentem-se mais irritadiças, perdem a paciência com muita facilidade, outras até podem ficar doentes devido ao cansaço extremo que é sentirem-se sem rumo. Quem desistir agora, quem não quiser continuar a lutar, vai ter um mês muito difícil, que poderá mesmo levar a depressões e a estados de apatia total, do género "não há mais nada que eu possa fazer, não tenho mais forças!"

 

Mas o que é facto é que há sempre mais qualquer coisa que podemos fazer. Podemos sempre parar, resguardarmo-nos da loucura do quotidiano e começarmos a tomar decisões. Que atitudes são boas ou más para mim? Que pessoas são boas ou más para mim? Que realidade profissional é boa ou má para mim?

 

Relembro que em agosto continuaremos com alguns planetas retrógrados, nomeadamente Mercúrio, o planeta da comunicação. Por isso, de pouco adiantará fazer grandes comunicados sobre ti ou sobre o que pretendes mudar na tua vida. Apenas analisa, pesa bem todos os prós e contras e apenas no final do mês, lá para o dia 28, começa a tomar decisões concretas rumo à mudança.

 

Para todos aqueles que queiram aproveitar este mês da melhor maneira, o meu principal conselho é que descansem o máximo possível, resguardem-se, meditem, peçam ajuda a um especialista (se for o caso), mas acima de tudo, que aproveitem para tomar decisões sobre a vida que têm neste momento. Todos os dias ao acordar pergunta-te: esta é a minha versão mais feliz? É assim que eu quero ser todos os dias da minha vida?

 

Podes até ter muitas coisas boas neste momento, mas tenho a certeza absoluta que rapidamente irás perceber o que gostarias de mudar em ti. E a cada novo dia é o dia perfeito para fazeres em ti a mudança que gostarias de ver no mundo. A mudança existe em nós! Apenas nós temos o poder de transformar a nossa vida e promovermos a mudança para um mundo melhor.

 

Desejo a todos um mês de agosto abençoado, cheio de luz, harmonia dos pensamentos e amor para tomarmos as decisões certas!

 

Abraço de Luz,
Isabel 💗

Autoria e outros dados (tags, etc)

01
Jul18

36457847_877380052465179_1689108984230838272_n.jpg

Viva!

 

Volto ao teu convívio, exatamente um mês depois, com as previsões da conselheira espiritual do Ainda Solteira, Isabel Soares dos Santos, para o sétimo mês do ano, que hoje arranca.

 

Meio ano já passou e entramos na segunda metade do ano com a mensagem de assumirmos a nossa essência, de assumirmos quem realmente somos.

Ainda ontem numa formação explicava a importância de vivermos o nosso eu verdadeiro e deixarmos cair todas as nossas máscaras, pois só assim conseguimos entrar em contacto com a nossa verdade e saber o que estamos cá a fazer.

Julho é o mês ideal para deixares cair todas as tuas máscaras e assumires a tua verdade. À medida que avançamos na nossa evolução espiritual vai-se tornando praticamente impossível continuarmos a mentir a nós próprios. Os sentimentos verdadeiros e as pessoas verdadeiras da tua vida estão agora prontos para aparecerem. Aproveita essa oportunidade e não tenhas medo da mudança. Bem sei que não é fácil quando escolhemos determinados caminhos, mas sei com toda a minha certeza que, quando chegamos ao destino final, o que encontramos é bem melhor do que o que deixámos para trás.

Por isso, está na hora de saboreares a tua essência sem medos do que os outros irão pensar. Não te escondas mais. Aceita-te com toda a tua luz e também com toda a tua sombra. Estás a iniciar um processo incrível de evolução. Mesmo com medo, arrisca. Deita fora todos os teus pesos, todas as tuas máscaras e arrisca a viver a tua verdade a cada dia da tua vida.

Cada dia é um bom dia para iniciares a mudança. Cada dia é um bom dia para seres uma pessoa melhor, mais verdadeira e disponível para te amares tal como és, mesmo com todas as tuas limitações. E a cada novo dia surgem oportunidades fantásticas para transformares as tuas limitações em aprendizagens incríveis que te vão dar mais força a cada novo dia. A tua maior limitação pode tornar-se na tua fonte de poder.

Eu adoro as minhas limitações, pois a cada dia me lembram que tenho novas oportunidades de aumentar o meu poder pessoal.


Julho é sem duvida um mês de poder. Quem o souber viver da melhor maneira, quem não tiver medo, quem se conhecer muito bem e souber utilizar todas as suas limitações a seu favor tem agora a oportunidade de mudar radicalmente a sua vida e começar a viver todos os seus sonhos.

A cada dia eu mudo mais um pouco. A cada dia tenho um novo sonho. E a cada dia tenho novas conquistas. Sou mesmo muito grata e abençoada por tudo o que a vida me tem dado.

Saiba que a mudança faz parte da vida e arrisca. Assume a tua verdade. Afasta-te de pessoas que não te fazem bem. Afasta-te de situações que te desgastam. Mesmo com medo, escolhe viver apenas aquilo que te faz feliz. Escolhe viver apenas a tua verdade.

Este é o mês do meu aniversário e estou mesmo muito feliz por todas as mudanças que tenho realizado em mim e por todas as conquistas que a vida me tem dado. No dia 15 de julho iniciarei um novo ciclo de vida (falando dos ciclos de 7 anos) e garanto-vos que vou estar imparável. A cada dia aumento o meu poder pessoal e a cada dia fico mais feliz por ver os meus sonhos a realizarem-se 🌟

Desejos de um mês muito feliz a todos!
Abraço de Luz,
Isabel 💗

Autoria e outros dados (tags, etc)

01
Jun18

sardinha_1.jpg

Viva!

 

No parecer da conselheira espiritual do Ainda Solteira, o sexto mês do ano, que hoje arranca com uma ovação aos humanos mirins, promete estranheza, turbulência, mas também recompensa e abundância para quem souber tirar partido das oportunidades. Eis as previsões energéticas de junho, gentilmente cedidas pela guru do bem, a Isabel Soares dos Santos.

 

E estamos quase a chegar a meio do ano de 2018! Um ano que pode ser absolutamente incrível para quem o souber aproveitar da melhor maneira para transformar a sua vida. Uma onda de energia positiva, amor incondicional e abundância irá acompanhar-nos durante todo o ano.

 

Mas junho chega-nos com uma energia estranha, de tudo ou nada, de 8 ou 80, de ganhar ou perder oportunidades, de num dia nos sentirmos invencíveis e no seguinte parecer que um camião nos passou por cima, ao ponto de não nos conseguirmos levantar da cama.

 

Esquizofrenia é o nome desta imagem. E se olharmos bem vemos um homem que está preso pelas mãos e pelos pés, alguém que tem medo de largar um dos lados, pois acredita que vai cair no abismo. Como o mais importante é arranjarmos soluções para lidar com o momento presente, vamos lá analisar o sentido desta carta:

1) Ficares na posição em que estás, significa que nada irá acontecer na tua vida, nem de bom nem de mau; ou seja ficas estagnado, numa inércia constante. O mês vai passar e quando chegar ao fim irás perceber o tempo que andaste a perder e que podias ter feito muito mais.

2) Largares as mãos significa ficares agarrado ao passado, não quereres andar para a frente e o peso do passado vai acabar por te arrastar para o abismo.

3) Ficares agarrado pelas mãos no momento presente significa libertares-te do passado e começares a subir degrau a degrau a montanha da liberdade. Faz pequenas coisas a cada dia, que te vão deixar mais forte, mais consciente do que queres e mais focado nos teus objetivos.

 

Para sobreviveres e viveres cheio de luz e energia positiva durante este mês podes começar por adotar hábitos de vida saudáveis, como por exemplo, meditar, praticar exercício físico, alimentares-te de forma saudável, beber (mais) água, ler, estar próximo de pessoas positivas e fazer da gratidão o sentimento predominante o tempo todo.

 

Eu sou muito grata a tudo o que a vida me tem dado; mesmo todos os desafios eu agradeço profundamente, pois só me tornaram mais forte. E tenho um orgulho imenso na pessoa que sou hoje e na missão de vida que tenho, que a cada dia ajudo mais pessoas a encontrarem o seu caminho. Espero que estas minhas simples palavras também te ajudem. 🙏

 

Estamos juntos na caminhada para a felicidade.

 

Desejos de um mês muito feliz!
Abraço de luz,
Isabel 💗

 

As precisões da Isabel acabam de dissipar o restinho de dúvidas que eu ainda pudesse ter sobre o meu futuro profissional e financeiro. Elas acabam de confirmar a minha sensação de que este mês ser me á especialmente generoso, ainda mais auspicioso que maio, que foi um dos mais felizes dos últimos 10 anos.

 

Espero de todo o coração que estes prognósticos tenham acionado aquela luz (verde) da esperança que tanta falta tem feito à humanidade. Fica bem e até à próxima!

Autoria e outros dados (tags, etc)

33644935_10213298924760257_4287395088268525568_n.j

Viva!

 

Porque estou plenamente convicta do impacto que poderá ter na tua existência e porque a conselheira espiritual do Ainda Solteira merece este mais do que justo tributo, já que todos os meses nos cede pro bono as suas previsões energéticas, desafio-te a inscreveres-te no próximo workshop de reprogramação mental da spiritual coach Isabel Soares dos Santos, a minha guru do bem, como gosto de lhe chamar.

 

Feito um anjo de luz, esta alma iluminada adentrou pela minha vida para me consciencializar que a saúde espiritual  – a par da física e da mental  – é uma das três pedras basilares da felicidade humana. Foi com ela que me iniciei na arte da meditação, que encetei a minha primeira regressão a uma vida passada, que abri a minha mente para o invisível aos olhos, que aprendi a aquietar o meu coração e que renovei a esperança em mim e na humanidade. 

 

Desde que fiz este curso, no passado dia 28 de abril, a minha vida conheceu melhorias inesperadas e inimagináveis, numa mescla de milagres e mistérios. Não tenho dúvidas de que tais mudanças foram despoletadas pelos ensinamentos assimilados nesse dia e que se resumem a um único propósito: fazer da minha mente uma aliada e não uma adversária, como até então.

 

Para teres uma ideia mais concreta a que me refiro, digo-te que, apenas cinco dias depois de ter estado nesse evento, surgiu a oportunidade de viajar para Barcelona, uma oferta surpresa de uma amiga muito querida, que fez questão de me proporcionar a concretização de um sonho há muito acalentado. Literalmente de um dia para o outro, ainda por cima com o passaporte caducado, lá consegui apanhar um voo da TAP com destino à cidade de Gaudi. Coincidência? Provavelmente! 

 

À chegada a Barcelona, ainda antes de recolher a bagagem, recebo um telefonema de uma antiga entidade patronal a perguntar se tinha disponibilidade para reforçar (temporariamente) o serviço com o qual colaborei há dois anos e no qual não consegui permanecer por pura implicância de uma Cruella de Vida que me considerou demasiado "vistosa" para a instituição em questão. 

 

Foi assim que – ainda que por meras semanas – regressei ao trabalho dos meus sonhos e com todos os meus direitos salvaguardados em contrato: descontos para a segurança social e fisco, seguro de saúde, salário decente, horário reduzido, uma equipa fantástica e a possibilidade de exercer na área que eu mais gosto e que tão bem sei criar valor. Outra coincidência? Já não estou tão certa disso! 

 

À minha amiga maior foi-lhe diagnosticada, no auge dos seus 40 aninhos, um tumor no peito, cujo índice de malignidade pairava entre os 50 e os 95%. Como é de se prever, ao tomar conhecimento da notícia desmoronei-me feito um iglu em plena praia de Ipanema, vergada pela antevisão do sofrimento pelo qual ambas iríamos seguramente passar. O desespero que me tomou de assalto a alma representou uma séria ameaça à onda de pensamentos e vibrações positiva na qual tinha estado a trabalhar até à data.

 

Numa operação digna de Hollywood, lá consegui resgatar os preceitos apreendidos no workshop, obrigando a minha mente a encarar o assunto, não como uma sentença de morte, mas antes uma provação, ainda que duríssima, por certo. Inspirada pela atitude serena e corajosa da minha mana do coração (que nem por um momento se deixou panicar), lá consegui voltar aos braços da aura positiva e otimista de antes, na firme crença de que no fim tudo acabaria por dar certo.

 

E não é que deu mesmo? O resultado da tal biópsia que visava determinar a localização do carcinoma, não poderia ser mais tranquilizador: a malignididade não se confirmou. Esta minha amiga revelou-se mais sortuda que o primo Gastão da Disney. Perante uma chance mínima de 50%, conseguiu ela a proeza de acertar em cheio na metade que lhe garantia conservar a saúde.

 

Removida a espada que nos pendia sobre a cabeça, eis-nos de volta à rotina nossa de sempre; eu em Lisboa e ela do outro lado do Atlântico. Depois do que acabaste de ler, ainda achas que a força do pensamento positivo é conversa de quem não tem mais o que fazer?

 

O texto já vai longo, reconheço, mas ainda há tempo para confessar que, ainda à custa deste workshop, rendi-me ao poder do ho'oponopono, uma técnica capaz de proporcionar a dose diária recomendada de leveza espiritual e mental e que consiste em duas meditações (de manhã e à noite) de 15 minutos apenas, durante 21 dias, tempo que o ser humano precisa para se adaptar à mudança.

 

A versão tradicional desta terapia é composta por quatro frases chaves: sinto muito, perdoa-me, amo-te e sou grata; ambicionando cada uma delas conduzir o praticante na passagem por quatro etapas sentimentais: arrependimento, perdão, amor e gratidão. De acordo com os entendidos na matéria, a simples repetição destas palavras revela-se capaz de ativar a libertação de bloqueios, lembranças negativas e traumas, de modo a podermos assumir um controlo mais tranquilo sobre o próprio corpo e a própria vida.

 

Se ainda te sobra alguma réstia de dúvida em relação à revolução que uma formação destas pode provocar na tua vida, deixa-me dizer-te que os seguidores do AS terão direito a condições especiais de participação, desde que para isso se inscrevam através do blog. Atreve-te, que não te arrependerás, garanto-te!

 

Deixo-te que são horas do meu ho'oponopono. Hasta!

Autoria e outros dados (tags, etc)

02
Mai18

31732091_841174659419052_6821896529914101760_n.jpg

Viva!

 

O quinto mês do ano traz previsões que tanto têm de curiosas como auspiciosas. Eu que estou toda sintonizada no lado espiritual da vida, só tenho a agradecer à nossa guru do bem, a Isabel Soares dos Santos, e dizer a maio que estou pronta para receber tudo que ele me quiser trazer, que lhe ficarei grata na mesma. Eis o que nos reserva o mês da mãe e das noivas.

 

Durante todo o mês deverás trabalhar o poder da tua mente, principalmente aprender a conseguir desligar os pensamentos que te perturbam. A todo o momento surgem pensamentos negativos, pensamentos derrotistas ou apenas confusões mentais.... Depois de os últimos meses terem sido muito intensos energeticamente, o mês de maio pede para parares e relaxares, mas se não conseguires desligar a tua mente de todas as preocupações, vais acabar por não conseguir de todo relaxar.

 

Cada vez mais deves apostar em práticas de relaxamento como a meditação, o yoga ou o tai-chi, ou até mesmo algum exercício físico mais intenso. Quando a mente não está treinada para desligar sozinha, então o melhor a fazer é cansar o corpo, de modo que a mente acabe por sucumbir ao cansaço.

 

Olhando bem para a mulher na imagem, é percetível que, apesar de os últimos meses terem sido desgastantes e de todas as vozes que teimam em fazer-se presente, ela transmite serenidade. O corpo está em posição de meditação representando relaxamento, os ombros direitos representando segurança e a face a esboçar um leve sorriso representando tranquilidade.

 

Por isso, a pensar em todas as vozes que não gostamos de ouvir e em todos os nossos medos interiores que muitas vezes nos bloqueiam, deves trabalhar para encontrar a tua paz interior. Saber viver em harmonia e paz constantes é o principal caminho para conseguires tudo o que desejas na vida.

 

Desejos de um mês muito feliz!

Abraço de Luz,
Isabel 💗

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Blog do Ano




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Pesquisar

  Pesquisar no Blog