Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!

emma-simpson-mNGaaLeWEp0-unsplash.jpg
Ora viva! ✌️ 

Faz hoje uma semana que partilhei contigo os hábitos que deves banir da tua vida, em nome de uma existência mais saudável e sustentável. Hoje vou partilhar contigo outros quantos hábitos, que pela sua toxidade, te impedem de ser bem-sucedida nos teus propósitos, sejam eles profissionais ou sociais.

O sucesso é algo que quase todos os comuns mortais ambicionam, independentemente da sua interpretação. Pessoal e subjetiva, a sua noção varia de pessoa para pessoa. Por exemplo, há aqueles que avaliam o sucesso pelo dinheiro, alguns pelo poder, outros pela fama e por aí fora. Existem uns quantos para quem o sucesso é uma questão de saúde, liberdade, segurança ou até de paz e harmonia.

Seja lá qual for o teu sentido de sucesso, o que não pode ser ignorado é que tens que fazer por ele, ou seja, que tens que investir em práticas e ferramentas capazes de te conduzir a ele. Esta publicação visa, pois, dar-te conhecimento do que não deve ser feito quando se quer alcançar o sucesso, isto é, dos hábitos tóxicos que te estão a impedir de a ele aceder. São eles:

1. Idolatrar quem já alcançou o sucesso
Todos nós precisamos de pessoas para nos inspirar, com quem possamos aprender. O que importa aqui referir é que não deves “endeusar” ninguém só porque é bem-sucedido. Há que ter respeito por aqueles que chegaram ao topo, mas tendo sempre em mente que eles fizeram o seu percurso e que tu tens que fazer o teu.

2. Comparar-se aos outros
Não tem qualquer mal em desejares aquilo que não tens, desde que isso não te deixe refém da comparação com os outros. As comparações geralmente só nos fazem sentir diminuídos, pelo que devemos bani-los da nossa vida, isso se queremos ser bem-sucedidos. Lembra-te que cada um tem o que merece, e o que faz por ter.

3. Ficar só na intenção
O "se..." é o que separa a realidade da possibilidade, o fracasso do sucesso. É expectável que este último não seja atingido com um estalar de dedos, mas isso não é motivo para não tentar. Por isso, para de procrastinar e de perder tempo com insignificâncias e usa a tua energia para investir naquilo que queres ver concretizado na tua vida. Define aquilo que queres alcançar e avança nesse sentido.

4. Cultivar a baixa autoestima
A falta de confiança e de amor-próprio é um dos maiores inimigos do sucesso, seja ele em que área for. Se é esse o teu caso, urge sacudires o medo do desconhecido e afastares a crença de que as pessoas bem-sucedidas são mais talentosas do que tu. Elas são apenas mais focadas no seu objetivo, ao ponto de o tornarem uma obsessão. Está na hora de te obcecares pelo que queres atingir na vida.

5. Apontar dedos
Quando apontas um dedo a alguém, outros quatros apontam na tua direção. Com isso quero deixar bem claro que a responsabilidade pela tua boa ou má sorte é 4 vezes tua e apenas 1 dos outros. Ninguém, a não ser tu mesma, é responsável por aquilo que acontece na tua vida. Aceita isso e assume a responsabilidade pelo sucesso (ou fracasso) na tua vida.

6. Julgar os outros
As pessoas mais abastadas não o são necessariamente por força do acaso (herança ou euromilhões). A maior parte delas deu duro para alcançar o que têm. O problema das menos prósperas não é o facto de serem preguiçosas, mas de não saberem como fazer para alcançar a riqueza e a abundância. É isso que as bloqueia. A dica dos experts é para deixar de lado os julgamentos e avançar em direção ao que se deseja.

7. Precisar de todas as respostas
Perante uma questão difícil, o melhor a fazer é admitir que não sabes e depois ires à procura da resposta. Não tens que ter todas as respostas, apenas de ser inteligente o suficiente para te cercares das pessoas certas, capazes de te apoiar e ajudar a obter a resposta certa.

8. Procurar a perfeição
O caminho para o sucesso é, muitas vezes, moroso, tortuoso e penoso. Dificilmente será perfeito, é bom que tenhas isso em mente toda vez que o desânimo ameaçar a tua motivação. Mesmo que não atinjas o nível de sucesso com que sonhaste, terás sempre aprendido alguma coisa ao longo do percurso. O facto de tentares ter sucesso, é sinónimo de sucesso.

9. Priorizar o conforto
Ao longo da viagem para o sucesso irás sentir dúvida, insegurança, desconforto, medo, desânimo e vontade de desistir. Poderás até entrar em pânico. Não te assustes, que tudo isso faz parte do processo. Como tal, habitua-te a esses sentimentos e segue firme no teu propósito. O que não nos mata, torna-nos mais forte, garante a sabedoria popular.

10. Esperar pelo momento certo
Não existe o momento ideal para correr atrás do sucesso. Começar um projeto, investir em alguma coisa ou avançar para o próximo desafio da tua vida é uma questão de decisão e não de timing. Mal sintas o chamado, dá o primeiro passo, sem pensar muito. O que tiver que ser será!

Há quase três horas que ando às voltas com este post, com muitas interrupções pelo meio, já esta manhã Deus o mundo resolveram solicitar a minha atenção. Custou, mas foi, ufa!

Beijo 💋 em ti e muito sucesso na tua jornada!

Autoria e outros dados (tags, etc)

14
Set22

anthony-tran-i-ePv9Dxg7U-unsplash.jpg
Ora viva! ✌️ 

Ao contrário do que se pensa, a rentrée é a altura do ano ideal para adotarmos melhores hábitos de vida. Muitos são aqueles que pensam que é no começo do ano que tal acontece, contudo, a experiência comprova que é no período pós-férias que ganhamos consciência do que precisamos alterar na nossa rotina, de modo a termos uma vida mais saudável e sustentável.

A título de curiosidade, sabias que é em setembro que dispara a taxa de separação entre os casais? A explicação é bastante simples: nas férias eles veem-se obrigados a estarem juntos o tempo todo. Sem as exigências do trabalho, não têm outra opção que não seja olhar com olhos de ver para a sua relação. Muitos são aqueles que chegam à conclusão que já não se aturam e que querem algo diferente para as suas vidas. Como tal, a ruptura acontece logo após as férias, ou seja, em setembro.

Por mais interessante que seja esta questão, prometo retomá-la oportunamente, estou aqui hoje para dar-te conhecimento de uns quantos hábitos que andam a comprometer, para não dizer mutilar, o nosso bem-estar. E quem o diz não é esta solteira aqui, ainda que ela esteja integralmente de acordo com a nutricionista que vivamente os desaconselha.

De acordo com Claire Sorlie, nutricionista da Resilient Health and Wellness, está mais do que na hora de deixares de lado as seguintes práticas quotidianas, sob pena de estares a por em causa a tua saúde:

Dormir com o wi-fi ligado
Sabias que a tecnologia wireless emite várias ondas eletromagnéticas nocivas ao cérebro? Quem dorme com o wi-fi ligado, ainda por cima se tiver o telefone mesmo ao lado da cabeça ou do coração, está sujeito a sofrer “lesões leves e até graves”, explica a especialista. Algumas das consequências são o stress e a formação de radicais livres. Eu há anos que desligo o wi-fi antes de dormir.
 
Fazer uma limpeza detox
Ainda que o propósito seja desintoxicar e limpar o corpo, este tipo de dieta carece de proteína, "um elemento fundamental ao transporte das toxinas que se pretende eliminar", como esclarece a nutricionista. Segundo Claire Sorlie, uma operação detox pode muitas vezes fazer mais mal do que bem. Falando na primeira pessoa, o melhor detox de todos é o jejum semanal de 24 horas e a água morna com gengibre a limão logo pela manhã.
 
Beber café antes do pequeno-almoço
Outra prática desaconselhada, uma vez que "pode levar a um pico de cortisol", conforme afirma Sorlie. Como os níveis desta hormona são geralmente altos durante a manhã, com tendência para cair ao longo das horas seguintes, esta prática acaba por trazer também mais ácido ao estômago, podendo resultar em azia. Como não bebo café, com este hábito escuso de me ralar.
 
Deitar fora a parte branca dos pimentos
Apesar de amarga, a sua ingestão pode ser bastante benéfica, já que "ajuda a estimular a digestão”. Comer a parte branca dos pimentos acaba por estimular o sistema digestivo e melhorar a absorção de alimentos", garante a nutricionista. Esta prática vou ter eu que adotar, por mais que não seja propriamente fã deste vegetal.
 
Uma vez dado o recado, é hora de me preparar para um evento no qual vou estar a trabalhar até à meia-noite. Vida dura a de quem nasceu com praticamente tudo, exceto dinheiro. 😉
 
Beijo 💋 em ti e até sexta!

Autoria e outros dados (tags, etc)

F0BB1508-C046-4D67-AFAC-BBF68EED5A0C.jpegOra viva! 💫

A pedido de vários seguidores, e tendo em conta que esta altura do ano é propícia à adoção de novos - e saudáveis - hábitos de vida, republico este post datado de 30 de dezembro de 2016, fez agora cinco anos.

No último dia útil do ano, para mais uma sexta-feira, escolhi como tema deste artigo o caminho da felicidade, mais concretamente alguns hábitos que a psicologia associa a este estado de espírito, o objetivo primeiro e último da condição humana.

De acordo com inúmeras pesquisas, citadas pelo Insider, certas atividades – algumas delas básicas e rotineiras – parecem ter a capacidade de aumentar o humor, em primeira instância, a saúde, em segunda, e a felicidade, em última.

Duvidas? Confere só esta lista:

1. Fazer uma caminhada ou mirar estrelas.

2. Anotar três coisas que nos fazem sentir bem, de forma a impulsionar esses desejos e transformar o que está escrito em realidade.

3. Ir para a Suíça, eleito o destino mais feliz do mundo em 2015.

4. Ingerir cafeína (sem exagero, claro).

5. Meditar e descobrir os benefícios da paz e do silêncio.

6. Ler uma história de aventura.

7. Sair da nossa zona de conforto e experimentar coisas novas.

8. Desfrutar do ar livre.

9. Realizar tarefas que fazem sentir feliz, mesmo quando não estamos.

10. Participar em atividades culturais.

11. Ouvir música triste, atividade associada ao aumento da felicidade (a chamada musicoterapia).

12. Definir metas e objetivos realistas para a nossa vida.

13. Apontar todos os nossos sentimentos, ótimo para esclarecer os pensamentos, resolver problemas de forma mais eficiente e aliviar o stress.

14. Gastar dinheiro com os outros e não só connosco.

15. Ser voluntário e ajudar os outros.

16. Arranjar algum tempo para estar com os amigos.

17. Sorrir.

18. Perdoar.

19. Ser íntimo.

20. Ser otimista e realista.

21. Sujar as mãos, já que parece que respirar odores estranhos pode elevar o nosso espírito.

22. Desfrutar de uma refeição na praia.

23. Fazer exercício.

24. Trabalhar a nossa habilidade favorita.

25. O mais importante: ser paciente, já que a felicidade tem tendência a crescer com a idade.

Não poderia estar mais de acordo com esta abordagem dos profissionais da mente. Não se diz por aí que a felicidade está nas pequenas coisas? Uma dose de felicidade inspirada numa noite estrelada, meia dose arrancada a suor de uma aula de zumba, dose e meia vinda do voluntariado, duas doses oriundas de uma bela noite de amor, outra dose de uma viagem à Suiça... e teremos uma quantidade suficiente de felicidade para sermos melhores pessoas, amigos, amores, colegas e cidadãos.

Beijo no ombro e bom fim de semana!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D