Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!

03
Nov17

Ser encantador é isto...

por Sara Sarowsky

19274894_10155517839699382_2888993472961596037_n.jOra viva!

E assim chegámos ao mais encantador de todos os meses. Esta minha convicção advém, não só do facto de ser este o que me viu nascer, mas, essencialmente, pelas árvores salpicadas de tons laranja, pelas folhas a bailarem nas calçadas, pelos dias a minguarem na sua duração, pela chuva a fazer-se presença assídua, pelas noites a despedirem-se do calor e pelo cheiro das castanhas e do natal a pairar pelas ruas desta bela cidade que escolhi para ser minha.

E já que assim é, que tal hoje falarmos de algumas caraterísticas – umas inatas, outras nem tanto – comuns às pessoas encantadoras. Encantador é todo aquele que consegue atrair sem truque, seduzir sem manha, agradar sem grande esforço e deixar um gosto de "fica mais um pouco" quando se vai embora. Em suma, é o tipo de criatura com quem os outros têm prazer em conviver de tão agradável que é a sua presença.

Se, por um infeliz acaso, não nasceste com esse dom, não fiques desanimada que para esta disfunção (também) existe cura: uma amálgama de atitude, verniz social, boa disposição e cultura geral, que se espelham neste hábitos:

1. Fazer os outros se sentirem importantes
O especialista em relações David Bennett considera que as pessoas encantadoras fazem com que qualquer um – independentemente do seu estatuto - se sinta importante. Daí que a delicadeza, a empatia e o altruísmo sejam uma constante nelas.

2. Acertar no nome das pessoas
De modo a evitarem ser desagradáveis com quem quer que seja, tendem a decorar os nomes de todos aqueles com os quais se cruzam diariamente, nem que para isso tenham que recorrer a auxiliares de memória.

3. Cumprimentar os outros com agrado
As saudações fazem igualmente parte dos hábitos dessas pessoas, que tendem a dar os 'bons dias' (e não só) com toda a confiança e carisma, acompanhada de uma expressão facial alegre.

4. Saber divertir os outros
Pessoas fascinantes sabem contar as melhores histórias, o que faz com que não tenham medo de recorrer à linguagem corporal para se expressarem ao máximo.

5. Escolher a dedo as suas companhias
Por serem gente do bem, não perdem (de todo) o seu precioso tempo a falar mal dos outros. Preferem sim escolher criteriosamente as pessoas com as quais se dão, aquelas que merecem a sua real atenção.

Meu bem, como acabaste de constatar, não é nenhum enigma da esfinge parecer adorável aos olhos alheios. Se a todos os atributos acima expostos juntares mais essa: seres tu mesma, terás o mundo rendido aos teus encantos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

16114712_10155023847974382_1872911324881559330_n.jOra viva!

Faço uma breve pausa no trabalho – estes dias ando a produzir que é uma maravilha, e quando assim é convém não dispersar demasiado, não vá a concentração 'desdar' o ar da sua graça – para partilhar contigo algumas "qualidades" que a escritora australiana mais famosa na área da sexologia e dos relacionamentos, Tracey Cox, associa às mulheres boas na cama.

Papel e caneta a postos, olhos fixos no ecrã e concentração na máxima potência, vamos lá então desconstruir as 15 características que fazem da legítima herdeira de Eva uma bomba sexual, capaz de deixar qualquer descendente direto de Adão viciado nela.

 
Ei-las: 
1. Na hora do bem bom, tomam a iniciativa.
2. Não julgam as sugestões do parceiro nem são 'pudicas' (isto é, não se armam em esquisitas).
3. Não têm medo de dizer 'não' quando não estão a fim daquilo ou de realizar qualquer fantasia do parceiro.
4. Conseguem ver o 'lado negro' (vulgo, Grey) do seu parceiro.
5. Gostam de ousar (variar e inovar).
6. Sabem o que querem e não são passivas.
7. Tratam bem os genitais do parceiro.
8. Sabem que o homem não é um robot e que nem sempre tem a mesma performance.
9. Sabem fazer sexo oral e gostam de o receber.
10. Dão feedback de forma delicada.
11. Fazem barulho, mas não exageram.
12. São felizes com o próprio corpo.
13. Gostam de se arranjar e vestir bem.
14. Mostram aos amigos que acham o parceiro sexy, mas não partilham detalhes da intimidade que o podem deixar ficar mal.
15. Não têm por hábito fingir o orgasmo.
 
A primeira ilação que se pode tirar desta lista é que, de facto, confirma-se aquela velha ideia de que os homens querem 'uma lady na mesa, uma louca na cama'. Só que em vez de louca, a especialista prefere usar a definição "uma mulher que é sexualmente confiante, aventureira e que sabe o que quer".
 
Quem sabe a crónica de hoje não nos inspira a … tu sabes. E com esta, volto ao batente, não sem antes desejar-te um excelente fim de semana, de preferência pautado por uma queca de kel bom.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D