Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!

05
Mar21

O erotismo no feminino

por Sara Sarowsky

Cartaz_Live 6.jpgViva! 👋

A live desta semana incidirá sobre um tema pelo qual sou fascinada desde sempre. De origem francesa, o erotismo, que significa "desejo sexual", designa, de modo geral, não apenas um estado de excitação sexual, mas também a exaltação do sexo no âmbito das artes, como na literatura e na pintura. Os peritos em sexualidade humana não lhe reconhecem fundamentação científica, daí que sejam os poetas, os escritores, os filósofos e os artistas a abordarem este conceito fundamental da natureza humana e central à sexualidade. 


Bem diferente da pornografia, em que nada é deixado à imaginação, o erotismo assume contornos sutis, despertando a libido consoante a sensibilidade de cada um. Este pode residir no movimento do cruzar de pernas de uma mulher, num baton vermelho, num decote pronunciado, num lamber de beiços ou noutra coisa qualquer. Uma das minhas maiores referências do cinema erótico é o filme Orquídea Selvagem, com Mickey Rourke e Carré Otis, cuja visualização da cena do casal a sexar num prédio em construção é sinónimo de orgasmo imediato.

Recuando ao início do primeiro parágrafo, no direto de amanhã irei então abordar o erotismo no feminino. A acompanhar-me estará a minha conterrânea Vera Figueiredo, autora da página @Ela Byvfiga, através da qual publica os seus contos eróticos, cujo cheirinho cito de seguida:
....(sôfregos, lindos, dançando
lentos, girando,
bocas, línguas, mãos, suores,
girando
o corpo dela em movimentos
sensuais de amores
ele dentro dela, delírios,
para sempre dentro dela
a alma o corpo, o amor o olhar
lindo que ela inventou
paixão, ternura, naqueles olhos tudo
o corpo dele sobre o dela
o seu beijo
a língua
a pele
as mãos)
imagens que ela inventa
antes de adormecer...

Como podes prever, a sexta sessão do ciclo 'Saturday Single Spot' será atrevida, provocadora e estimulante. Dado que optei por deixar de gravar as lives, zelando assim pela privacidade e pela proteção de dados de todos os participantes, espero por ti este sábado, a partir das 22 horas, no meu perfil do Instagram. Faltar é perder! 😘

Autoria e outros dados (tags, etc)

23283282_1716700188363623_47306167_n.jpg

Ora viva!

 

Há uns tempitos, acusaram-me de dar demasiado destaque ao sexo aqui no Ainda Solteira. Que culpa tenho eu que este seja um assunto que a muito poucos desperta indiferença? Sexo vende, sempre foi assim e não me parece que isso vá mudar. No cinema, na tv, na indústria, na publicidade, nos sex shops, nos sites e apps de engates, na internet, o que não faltam são exemplos.

 

Ainda que as minhas crónicas não comportem uma componente comercial, o facto é que os meus seguidores (os fiéis, claro está!) nunca se queixaram, daí que o post deste dia incida sobre dez dicas para se conseguir o melhor sexo do mundo.

 

De acordo com Cristina Mira Santos, coacher sexual, citada pelo Delas, "o melhor sexo do mundo é aquele que é feito com a consciência de estar no aqui e agora, com intenção, tendo a noção do que se está a fazer e o porquê do que se está a fazer".

 

A autora do livro O Melhor Sexo do Mundo, cujas páginas abordam temas como energia sexual, masturbação, sexo oral e erotismo, confirma que "o sexo ganha qualidade se todos os sentidos forem despertados. Se todos eles forem ativados estamos a trabalhar o nosso erotismo, já que é a nossa capacidade de receber estímulos através dos sentidos que vai aumentar a energia erótica e com isso potenciar a qualidade do sexo."

 

Todo este parlapiê pode facilmente ser resumido nestas dez dicas:
1. Fazer apenas o que se quer, quando se quer e com quem se quer
2. Conhecer o próprio corpo e o modo com ele reage às sensações
3. Cuidar dos pormenores que possam ser fatores de insegurança
4. Preparar-se para receber
5. Sintonizar-se com a vibração do parceiro
6. Não ter vergonha de verbalizar o que se sente
7. Ter coragem de fazer o que se quer
8. Libertar-se de pressões sociais e crenças erradas
9. Desfrutar do caminho para saborear o destino
10. Amar-se e deixar-se amar sem culpa

 

Como pudeste constatar, o melhor sexo do mundo é algo que está ao alcance da vista e da vontade e capacidade de entrega de cada um. Logo, assimila estas sugestões e, quando for hora de passar da teoria à prática, deixa-te levar. Simples assim!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade



Posts mais comentados



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D