Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!


BBB228CC-FE50-4057-A1EB-05C457EF01F2.jpegOra viva ✌️!

Estes últimos dias têm sido uma loucura, só que uma loucura boa. No post anterior revelei que novembro, o meu mês de nascimento, costuma ser muito generoso comigo e que este ano parecia querer manter a tradição. Ora nem mais! Ainda só vamos no seu quarto dia e já tenho muito que celebrar, bastante que agradecer, tanto que partilhar. As novidades são mais que muitas, mas por ora adianto estas quatro:

Nacionalidade
Vinte e dois anos, dez meses e alguns dias depois de ter cá posto os pés pela primeira vez, tornei-me cidadã nacional, de facto e de direito. Mamma mia, o que me custou... mais do que a designação jurídica, a obtenção da nacionalidade portuguesa representa a vitória da persistência sobre o infortúnio. A partir de agora, e para todos os efeitos, sou cidadã cabo-lusa. Bem sei que o termo oficial é luso-cabo-verdiana, mas dado que a minha cidadania original é a cabo-verdiana, opto por dar-lhe primazia na conjugação do nome.

Teletrabalho
Após quatro semanas de incapacidade temporária para o trabalho, causada por stress profissional, era-me francamente desconfortável a ideia de regressar ao escritório, até poque sabia que voltaria a ficar exposta à causa do problema. Com o trabalho remoto fica a questão atenuada, já que à distância o assédio moral por parte da minha chefia direta perde impacto, para gaúdio da minha paz de espírito, em primeira instância, e da minha saúde mental, em última. Sem falar que, com a retoma ao ativo, volto a desfrutar de uma maior margem financeira, uma vez que recuperarei o salário na íntegra.

Televisão
Participei, na tarde de ontem, no talk-show Bem-vindos, durante o qual tive oportunidade de apresentar este blog e abordar a solteirice e a pressão que as mulheres, sobretudo as africanas, sofrem quando não têm um parceiro amoroso assumido na sua vida. A gravação correu lindamente, pelo que estou confiante que fiz boa figura. O programa será transmitido na tarde da próxima terça-feira (10 de novembro), na RTP África. Assiste, se puderes!

Mulheres e seus Destinos
Lembras-te daquele livro para o qual contribui com a prosa Quisera eu ser como tu, mulhera qual dei-te conhecimento numa publicação datada de 28 de novembro de 2019? A obra vai ser agora lançada em território luso e esta solteira aqui é uma das convidadas para proceder à sua apresentação, ao lado de ilustres figuras como a embaixatriz cabo-verdiana Manuela Brito, a poetisa Carlota de Barros e a antropóloga Teresa Noronha. A cerimónia, a ser transmitida em direto através da página do Facebook do CCCV - Centro Cultural de Cabo Verde, está agendada para as 18 horas do dia 13 de novembro (uma sexta-feira 13 🧟‍♀️). Seria uma honra contar com a tua audiência, por isso anota aí na agenda.

Mais coisas (boas) se avizinham e terei todo o prazer em partilhá-las sempre que se justificar. Por hoje é tudo.

Stay cool, stay happy, stay safe!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D