Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas, contos e confissões de uma solteira gira e bem resolvida que não cumpriu o papel para o qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar pulos de alegria? Provavelmente, nem uma coisa nem outra!


03D6BACF-B9A3-4FE7-ADE0-9158313A6AC4.jpeg

Viva!

Recebi esta manhã, por via eletrónica, uma mensagem cujo título não poderia ser mais contundente: Atenção Ainda Solteira, que há um novo site de relacionamentos e encontros em Portugal. Acredito que para ma ter enviado, o remetente esteja a par da minha relação íntima com este blog, daí que tenha aproveitado a oportunidade para promover este recente serviço para solteiros, na expectativa de obter divulgação gratuita. Como não sou de deixar na mão quem a mim recorre, eis-me aqui para te relatar o último episódio da vida desta Ainda Solteira.

SugarDaters assim se chama o novo site de encontros de que tomei conhecimento hoje. Pelo que pude apreender do texto que recebi, trata-se de um conceito um tanto ou quanto diferente da concorrência. Para começo da conversa, foi importado diretamente do país 2 da felicidade, a Dinamarca. Para meio da conversa, este que é o maior e mais popular site do género na Escandinávia está presente em 26 países, Portugal incluído. E para fim da conversa, vais ter que ler até ao fim...

Esta plataforma online de encontros apregoa que o que a diferencia dos concorrentes é o facto de "o respeito ser sempre o fio condutor, o princípio orientador de uma dinâmica que inclui ambientes luxuosos, glamour e muito mimo". Ao ler tal coisa, fui para o terreno investigar o quanto de verdade conteria a garantia dada pelo seu fundador de que não seria apenas mais um site de encontros, mas sim o espaço que junta "homens e mulheres que controlam totalmente a sua vida e que sabem o que querem de uma relação"; razão pela qual "o SugarDating baseia-se no desenvolvimento de relacionamentos, e não na troca de serviços".

Mal acedi à página, saltou-me à vista a promessa de um ambiente seguro e acolhedor, com todos os perfis dos utilizadores a serem alvos de uma verificação e validação manual. Um segundo aspeto que mereceu a minha imediata aprovação foi a regra em relação às fotos de perfis, que não poderiam de todo conter carne humana exposta (entenda-se nudes e afins).

Por tudo isto e mais alguns outros pontos que não vou agora referir, sob pena desta crónica tornar-se demasiado extensa, posso dizer com toda a convicção que vi, gostei e aderi sem pestanejar. Bastaram 10 minutos para ter o meu perfil criado e outros cinco para vê-lo validado. A esta altura, o entusiasmo seguia em crescendo e a expectativa de encontrar pretendentes "fora da caixa" despertava em mim uma adrenalina há que tempos entorpecida.

Até que chega o balde de água gelada; sim porque essa cedo ou tarde chega, com toda a certeza. Ainda que o registo seja gratuito, a permanência não é. Apesar de reconhecer que é justo cobrar-se por um serviço prestado, por uma questão de princípios, não me sinto confortável em pagar para ter acesso ao amor. Isso seria admitir que, nesta nossa sociedade cada vez mais comercializável, até o amor tornou-se um bem de consumo. Por não querer abrir mão deste meu ideal "domquixotiano", dei por encerrada esta minha
flash love story sem sequer ter privado com um único pretendente. Lá se foi a oportunidade – mais uma – de dar um update à minha love life...

Como as hipóteses de uma solteira não se esgotam no online, resta-me torcer para que o Single Mingle de amanhã dê (bons) frutos. Sim, finalmente acedi a embarcar num speed dating. Mas isso é tema para uma outra crónica, que partilharei oportunamente.

Até lá, porta-te mal!

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 29.07.2019 às 18:14

Ahahahahh era para pagar?
Fizeste bem .... o amor não se compra!!!
Beijinhos Linda!
Imagem de perfil

De Sara Sarowsky a 29.07.2019 às 18:21

Tens toda a razão meu bem. O amor não se compra. Mas ao que tudo indica, vende-se. E bem!
Beijinho doce para ti também
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 31.07.2019 às 20:21

E a festa de ontem? Conheceste alguém interessante?? 🧐
Imagem de perfil

De Sara Sarowsky a 31.07.2019 às 20:35

About last night...
Por ora, só digo que o que paguei seria melhor empregue num belo jantar a um 😉

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Melhor Blog 2020 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2019 Sexo e Diário Íntimo


Melhor Blog 2018 Sexualidade





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D