Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas e confissões de uma rapariga gira e bem resolvida que (ainda) não cumpriu o papel para a qual foi formatada: casar e procriar. Caso para cortar os pulsos ou dar graças? Talvez nem uma coisa nem outra!

david-gandy-leather-jacket-736x1104.jpg

Prefiro mil vezes um homem elegante, estiloso, asseado, educado, gentil e atencioso a um obscenamente bonito. Claro que o sonho de consumo de qualquer descendente direta de Vénus é conseguir caçar um exemplar que reúna todos estes predicados - e mais uns quantos - num único código genético. Com muita pena minha, este trevo de 4 folhas humano (ainda) não pernoita na minha cama, nem dorme nos meus braços.

 

A não ser que se tenha uma conta bancária choruda e espírito para ir ao bisturi, pouco ou nada há a fazer quando não se nasce com figura digna de concorrer ao Miss/Mister Universo. No entanto, uma série de pormenores são capazes de fazer de uma pessoa geneticamente prejudicada tão, ou até mais, atraente que a mais formosa das criaturas. Sem dúvida, o estilo é um deles.

 

Um alfa que saiba vestir-se – atenção que com isso não quero dizer que só deva vestir marcas de marcas ou estar a par do último grito da moda, nada disso – é algo a que atrai e desperta logo a atenção. Quantas vezes, ao cruzar-me com um homem estiloso (ou bazofo como se diz na minha língua materna), não fiquei eu a olhar absolutamente fascinada? Infelizmente é coisa que não abunda muito pelas ruas da vida.

 

Sinceramente, não estou a ver dificuldades maiores em alcançar tal feito. A receita para ser uma mulher elegante pode perfeitamente ser franchisada para o outro lado do género: conhecer/aceitar/respeitar o corpo que se tem; adotar uma boa postura; definir um estilo próprio e usar somente o que reflita a personalidade. Comigo resulta na perfeição. Apesar de não ter roupas caras e muito menos artigos de luxo, sou das pessoas mais elegantes que conheço. Podem perguntar a qualquer pessoa que tenha cruzado o meu caminho.

 

No que toca ao estilo masculino, nem é preciso um grande esforço para atrair olhares, de desejo por parte delas e de inveja por parte deles. A meu ver, a chave do sucesso reside no bom gosto – a essência de tudo e sem o qual será missão impossível, a não ser que se tenha alguém de bom gosto para dar assistência – e numa série de (pequenas) coisas a que eles geralmente nem sequer dão atenção, mas que fazem toda a diferença para nós mulheres.

 

A propósito deste assunto, o canal Alpha M. elaborou uma lista de dez coisas que os homens usam (ou vestem) e que nós as mulheres achamos o must. São elas:

 

1. O clássico t-shirt e jeans
Há coisa mais sexy que um gajo de t-shirt branca e jeans azul meio descaídos e perfeitamente assentes no corpo? Não precisam ser trendy, bastam que sejam simples, bonitos, limpos e, sobretudo, que te assentem lindamente.

 

2. Casaco de cabedal
O preto é aquela base, todos têm, por isso versões noutras cores dão um ar ainda mais sexy e original. Tem é que ser uma peça boa e bonita.

 

3. Sapatos bonitos
Sim, nós reparamos (e como) no que trazem nos pés, por isso investe em poucos, mas bons pares. Se conseguires a proeza de acertar em padrões e cores pouco comuns, melhor ainda.

 

4. Óculos
Seja qual for a finalidade deles, um par te que assente bem e reflita estilo e bom gosto, vai-te render olhares. Se forem de sol, então… mama mia!

 

5. T-shirt com decote em V
Esta peça é versátil, sexy e máscula, mas cuidado para não te entusiasmares com aquelas com o decote até o umbigo que os gorilas do ginásio tanto gostam.

 

6. Gravata colorida
Um acessório que faz toda a diferença e mostra de caras qual o real estado do teu bom gosto. Escolhe os que te reflitam a tua personalidade e autoconfiança.

 

7. Relógio
Não é necessário que seja de uma marca toda xpto, só precisa ser bonito, elegante e funcionar, claro. O preto, o castanho e o cinza são as cores da praxe, mas quem arrisca em cores quentes e modelos diferentes consegue marcar pontos pela originalidade, ousadia e inovação.

 

8. Fato à medida
Sobre este tópico já aqui tinha falado, aquando daquele artigo sobre o que não deve constar no guarda roupa masculino. Um fato que se ajusta à figura é algo que reflete o estilo de quem o usa, lembra-te disso.

 

9. Lenço de bolso
A cair em desuso, mas ainda assim capaz de marcar a diferença, para melhor. Este acessório deixa o teu look mais composto e arrojado, sendo mais uma oportunidade para mostrares estilo, personalidade e cavalheirismo.

 

10. Confiança
Quem a tem, e dela faz uso, não passa despercebido em lado nenhum, mesmo que nem abra a boca. Quem não a tem é mais do que hora de trabalhar nisso. O artigo de ontem pode dar-te uma ajuda nesse sentido, caso estejas a precisar de uma dose extra de confiança e autoestima.

Meu caro seguidor, como podes ver não é preciso nenhuma fórmula de Deus e muito menos algum truque de magia para conseguires ser (mais) estiloso, elegante e atraente. Só tens que querer e lembrar-te destas dicas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

RX-Press-Kits_Closet-Maid-men-dressing_s4x3.jpg.re

O artigo de hoje é especialmente dedicado aos meus seguidores masculinos, se bem que isso não quer dizer que não possa interessar às minhas meninas, já que é sempre estar a par do que acontece no universo paralelo (deles) para poderem saber identificar o in e o out nos gajos com os quais se relacionam ou venham a relacionar-se.

 

Aos meus meninos, que souberam conquistar o seu lugar neste (nosso) espaço e a quem tenho que passar a dedicar mais atenção - as estatísticas demonstram que são a minha audiência mais participativa. As 'minas' leem e passam à frente, comentando vez e outra. Os 'minos', por sua vez, leem, comentam, contestam e até partilham experiências próprias. É curioso que 'eles' interajam mais quando este blog está mais direcionado a 'elas'. Enfim… retomemos o fio à meada.

 

Falemos então de algumas peças masculinas totalmente démodés, de outras que nunca estiveram na moda e de umas poucas que não deveriam sequer ter existido, já que são um autêntico atentado ao bom gosto.

 

Rapazes, se alguns destes itens figurar do vosso roupeiro está na hora de livrarem-se delas. Meninas, se por acaso detetarem as mesmas no closet de algum gajo das vossas relações, não há motivos para panicar. Basta chamá-los à razão ou darem um jeito de extraviá-las, já que, de acordo, com os fashions advisors, nenhum dos itens que a seguir descrimino deve constar do guarda-roupa de um homem adulto com um mínimo de sentido de estética e respeito pelo bom gosto das descendentes diretas de Vénus. Tomem nota delas:

Camisas "para sair"
É aquela peça que pensas ser a ideal para a night. Nos dias de hoje não existem camisas específicas para sair, já que qualquer uma serve tal propósito. A não ser que vás a um casamento ou a reuniões de trabalho, não te esforces tanto para caprichar na hora de socializar.

Jeans bordados
A única razão aceitável para vestires calças de ganga bordadas será pelo facto de teres sido tu a decorá-las, querendo assim exibir os teus dotes artísticos. Ainda assim…

Chinelos de plástico
A não ser que sejas o CR7 ou um atleta de alta competição, esquece-as, pois elas só ficam bem na praia e no balneário do ginásio. Isto também se aplica àqueles com uma fita da Adidas – que os putos usam na escola preparatória. Eu sei que o Zuckerberg é adepto deles, mas convenhamos que bom gosto e estilo não são o forte do big boss do Facebook.

Cintos com pinos
Estes cintos foram inventados para ajudar os teenagers a darem vazão àquela angústia típica da idade. Ainda estás nessa fase?

Colete sem fato
Usar um fato de três peças é sexy e elegante. Agora, utilizar apenas o colete é o ó, vai por mim.

Gravatas largas
Estas gravatas fizeram sucesso em 1990 e nós estamos em 2016, ou seja, passaram-se mais de duas décadas. Preciso dizer mais?

Sandálias
Não me é clara a verdadeira razão para existirem sandálias masculinas. Não é claro que sirvam para correr, para usar na praia ou para fazer caminhadas. Quanto a mim, parece-me que foram feitas para humilhar quem os calça. Quando as usam com meias então, ao estilo missionários jesuítas, quel horror, mon Dieu de la Croix.

Casacos oversizes
Quero lá saber se foi herança familiar, se foi prenda a mamã/esposa ou se o compraste quando tinhas menos 20 kilos. Gajo com estilo veste roupas à medida, pois têm consciência de que assim vai parecer elegante e sentir-se confortável – sem se afogar nas próprias roupas.

Sapatos quadrados
Para mim esta é uma invenção incompreensível, que atualmente faz parte daquela moda que entrou em estado vegetativo, cuja família - indústria do calçado - recusa desligar as máquinas. Caso possuas um exemplar destes, que tal dares o teu contributo e acabares com o sofrimento da pobre criatura?

Calças com demasiados bolsos
A não ser que sejas escuteiro ou profissional de imagem, este tipo de calças não te traz nenhuma vantagem. Admito que já tiveram o seu momento de glória – eu adorava umas verde-musgo made in USA -, mas o facto é que elas passaram à história. Pode ser que o estilo volte à ribalta, mas até lá esquece-as de uma vez por todas.

Calças bombazina
A não ser que tenhas mais de 60 anos ou tenhas parado no tempo, é inadmissível que uses estas calças, por mais que as lojas insistam em comercializá-las. A meu ver, a par do casaco em xadrez, é a peça mais horrível que um homem jovem deve usar.

Bermudas
Calções de banho compridos não é cool, portanto assegura-te que os teus sejam decentes, que se adaptem à cintura e que fiquem acima do joelho. Sunga, só para quem está fit até à medula – e mesmo assim - ou nasceu em terras de Vera Cruz.

Bonés bordados e colares de missangas
O primeiro foi popular durante um curto período. Isto por si só já diz tudo. Portanto, façamos de conta que nunca existiram e sigamos adiante. Quanto aos colares de missangas… São uma coisa estranha e nada viris, ponto final.

Camisa de manga cava
Eu sei que os caramelos musculados dos ginásios usam e abusam delas. Nem por isso são do agrado do mulherio, pelo contrário. Consideramo-las simplesmente desgusting.

Camisas floridas ou com padrões grandes
Nunca, em hipótese alguma. A não ser que sejas hipster, estilista, gay, turista em terras tropicais ou simplesmente bimbo, deixa isso para os putos.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D